30/05/2011

NOTAS DA HISTÓRIA DE TUPARETAMA - A Festa de São Pedro


Não se sabe o ano da primeira comemoração do dia de São Pedro em Tuparetama. É certo que essa festividade junina ocorria desde o início da formação do povoado, então Bom Jesus, nos anos 20 do século passado.

O êxito dos primeiros festejos, de acentuada conotação religiosa como eram todas as grandes festas  da época, consolidou a data no calendário festivo da localidade, atraindo público das cidades e dos  povoados circunvizinhos. 

Contam que o destaque da Festa de São Pedro em Bom Jesus, já nas décadas de 30 e 40, no auge da Philarmônica Bom Jesus, era o baile com orquestras, que acontecia num armazém da rua central do povoado, de propriedade do fazendeiro e senhor de posses, Francisco Zeferino.  Esse armazém não existe mais,  hoje em seu local encontra-se o supermercado Nordeste, de Geraldo Perazzo.

Nesses bailes de São Pedro e em  todos os demais bailes que realizavam no decorrer do ano exigia-se traje a rigor, o que para gente da época significava vestido comprido de saias armadas, engomadas, e para os cavalheiros paletó de linho e gravata, também engomados. 

As bandas e orquestras contratadas eram chamadas pela população de “jaza” (corruptela de Jazz e Jazz-bands) com ritmo e estilo musical de influência americana. Os bailes encerravam-se invariavelmente fora do armazém, na rua, com quadrilhas juninas marcadas por Severino Souto. 

Como a agora  Vila Tupã  não dispunha de um clube para festas e o armazém tornara-se pequeno para o público, foi construído em 1953 o ‘Palanque de Festas’ com recursos da comunidade, numa área onde está erguida a atual residência de Zezé Benedito, na Rua da Matriz.  O tal "palanque" sediou as festas do São Pedro e outros eventos até a construção do Pajeú Clube, em meados dos anos 60.

A festa do São Pedro decaiu por um longo período, ressurgindo com a administração do prefeito Pedro Tunu, no final dos anos 80, com ênfase nos eventos de rua. É certo dizer que o São Pedro de Tuparetama ganhou força total e firmou-se definitivamente no calendário turístico-cultural da região a partir da administração do prefeito Vitalino Patriota, com investimento na decoração de rua e contratação de grandes bandas e grandes artistas da música popular nordestina. Nos últimos seis anos o prefeito Sávio Torres, de natureza sabidamente festeira, manteve essa mesma preocupação dos gestores anteriores, com empenho para permanência da posição de destaque que os festejos de São Pedro de Tuparetama alcançaram ao longo dos anos.
[ Com informações de "TUPARETAMA- O livro do Município" ] 

Nenhum comentário:

Postar um comentário